Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

9 razões para Não gostar do regresso às aulas!

Sempre que "pego" aqui no blog com um entusiasmado, "agora é que é! Agora é que eu vou começar a escrever amiúde", acontece alguma coisa...

A rentrée, reentrou tão rápido que não tarda, não tarda estamos de novo no Verão, oh caneco! E eu aqui às cambalhotas com cenas várias para resolver e coiso!...

Pois que se deu o regresso às aulas!... pelo que vi pelas redes sociais, pelos blogs e por conversas várias que vou ouvindo por aí, parece-me que eu sou a única que não vibro com o regresso às aulas, com o ver as crias pelas costas... "ahhhhhh.... tu és daquelas mães melgas que não deixa os putos respirarem fundo sem que aches que estão com falta de ar...", Não sou!!  ... "então és daquelas que dorme com os putos na cama até terem 25 anos, que os há-de levar à faculdade para não se perderem a ir de uma sala à outra e para os professores não lhes ralharem.. já topámos tudo!"..., Não sou!! ... "já sabemos, ainda amamentas as crianças e elas já têm quase 14 e 16 anos, vero?!"..., Chiça penico, deusmalivreeguarde!!!! Cruzes, credo!...

Não sou nada disso! Adoro as minhas filhas, as minhas aspirantes mai'lindas do mundo e até de Marvila, amo-as do coração mas não as quero sempre agarradas a mim!... 

- Então não saltas de alegria, não gritas ao mundo, não postas memes de 5 em 5 minutos para mostrares em como estás feliz por te veres livre das miúdas e regressares à tua vidinha, casa-trabalho-casa, porquê?

Há várias razões para tal!... já que perguntam aqui seguem:

1. Eduquei as miúdas! Tarefa árdua e extenuante mas que vale a pena ao fim de uns anos... faz com que não se tornem seres do demónio e que se saibam comportar... há dias com uma ou duas situações-crise, que dois berros resolvem, quando necessário uma consequência pelo comportamento e pronto! E... atentem bem nisto, são situações que tanto acontecem nas férias como em tempo de aulas;

2. Gosto de estar com elas. Também gosto de estar sem elas, verdade! Mas como não somos gémeas siamesas e elas têm amigos e família, são seres sociais (como aliás todos os seres humanos) e como tal há alturas em que vão passear, dormir a casa de outros elementos que não os seus ricos paizinhos;

3. Não me presto a grandes fretes! Nunca gostei de ir para a praia com elas quando elas eram pequenas... às vezes ia, contrariada e com acordo assinado e registado no notário (ou lá que raio é...) com o Marquês em como a minha única tarefa seria alapar o rabo na toalha e quando muito estender a mão para virar uma forma com areia ao contrário para fazer um micro castelo. Verdade seja dita que ir à praia é um pincel, com ou sem crianças, com crianças é um inferno. E, como férias são férias e eu não queria transformar as minhas num inferno, fazíamos outras coisas. Hoje, elas já vão à praia com os amigos, oh caneco! Já não precisam de mim para fazer castelos nem para lhes botar protector solar (aiiiiiiii!.... momento mais infernal de todo o sempre!);

4. A escola é uma miséria neste país! Ahhhhhhhh!!!!!.... estás-te a habilitar a que venham aí os defensores do ensino tradicional, da palmatória e os do "no meu tempo é que era"... pois, estou! Mas é o que eu penso. Revolta-me a forma como se "ensina" as matérias, o desinteresse de tudo aquilo, o roubar a infância e a adolescência aos putos, o marrar para os testes pois só estes interessam... fico com o coração apertado de cada vez que as minhas filhas têm de se levantar cedo para isto! A mais velha, felizmente está numa escola com um ensino diferente. Não poso ficar feliz pelo regresso às aulas!;

5. A correria do dia-a-dia enlouquece-me! Mas quem é que gosta disto, caraças?... está tudo doido? Acorda de madrugada (antes das 9 da manhã é madrugada!), prepara almoços para levarem para a escola, lanches, nervos logo pela manhã, assina o papel, esqueci-me do material, falta não-sei-o-quê-raisparta!... regressa a casa, mais lanches, T.P.C's a correr, a mai'nova equipa-se, sai de para o treino, regressa noite dentro, fazer jantar, jantar às 22 horas... Ah! Sim, e no meio disto ainda há banhos, algures por aí, e cenas várias que acontecem todos os dias... cansei-me, só de escrever...;

6. A mini-depressão delas no regresso às aulas... a minha mini-depressão no regresso à loucura... o frio que não tarda a chegar.... mas quem é que gosta disto?...

7. Gosto de ter tempo! Gosto que elas tenham tempo! Gosto que leiam, que passeiem, de ir com elas ao cinema, comer um gelado, fazer programas... gosto que estejam de férias com os avós, livres, de chinelo no pé e com os mesmos calções a semana inteira... sem horários, sem neuras, sem stress...

8. E muito mais importante do que tudo... quem me segue já sabe, cá em casa somos 2! 2 pais para tudo! Não é a mãe que faz tudo e o pai fica a assistir. Cá em casa pai e mãe, mãe e pai são indissociáveis e o seu papel e responsabilidade é igual! A criança acordou? (isto quando eram pequenas) Azar! Acordamos todos ou hoje acordo eu, amanhã acordas tu! É preciso levar ao parque? Vamos todos! É preciso dar banho e fazer o jantar? Tu dás banho eu faço o jantar!... e é assim! Pessoas, acalmem-se que hoje já ninguém dá banho às piquenas! Aliás desde os 5 anos (maizómenos) que não precisam de ajuda para o banho!;

9. Não posso terminar sem referir um ponto muito importante: Sempre demos autonomia às duas! Sempre detestei brincar com elas, raramente o fiz... crucifiquem-me!, podia pintar, fazer esculturas em plasticina ou ler um livro... mais do que isso nãaaaa!!!! Isto fez com que elas nunca tenham sido miúdas dependentes. Acordavam e, desde que tivessem paparoca, iam à sua vidinha!

Eh pá, mas os putos também são chatos comó caraças!... Cá em casa sempre dividimos a "chatice" de ter crianças! Engraçado que eu nunca vi os memes de alegria no regresso às aulas com homens... para os pais, é-lhes indiferente o regresso às aulas?!... será na maioria das famílias, infelizmente! A vida das famílias podia ser tão mais feliz se mãe e pai tivessem o mesmo papel! Sempre viajei em trabalho e elas sempre ficaram com o pai... zero preocupações! Nunca deixei roupa separada, recados, post-its e o caneco... eu estar fora ou presente, tirando as saudades, é igual. E isso dá-me uma imensa tranquilidade. Jamais conseguiria viver de outra forma. Ah!!! Mas a culpa é dos homens que nada fazem!... discordo! A responsabilidade é de ambos. Do homem que nada faz e da mulher que assim permite e motiva. Fico doida com as queixas de algumas amigas com o "ele não faz nada em casa!"... f*#d"#-se! Por que tu assim o permites, caraças! Se o meu marido fizesse tudo cá em casa eu também não ia mexer uma palha, caneco! Mas os homens são o quê?... têm uma falhinha ao nível da inteligência que não lhes permite serem pais, dar banho, vestir os putos, por a louça na máquina, varrer, estender roupa, aspirar, etc...

Posto isto, vivásférias!!!!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.