Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

Agora vamos todos torcer por ela, bale?

Ora cá estou eu, como prometido, para vos contar o virar do avesso da vida na nossa Aspirante Mai'Nova...

Como bem sabeis, (numinervem, catano... se não sabem é porque não lêem o que eu escrevo.... pronto!! Já me acalmei!!) a nossa mai'nova é ginasta de competição. Como já vos tinha contado aqui (é só clicarem aí a trás, faxavore... Marquesa a tratar de tudo por vós! Sou um doce, eu sei! ) a época da ginástica acrobática começou agora, sendo que a nossa mai'nova faltou à primeira prova pois estava lesionada.

A ginástica é para ela, quase, o ar que respira. Já que treina cerca de 20 horas por semana... chiça!, já me cansei só de pensar!... Também já vos tinha contado o orgulho gigante que temos nela, e nas lições que nos dá... parece-me que vem aí mais uma aprendizagem... para ela e para nós! Para se situarem, podem ler aqui o percurso que tem feito. Se leram, já sabem que o percurso dela tem sido sempre em ascensão mas com algumas quedas pelo meio... não tem tido muita sorte a nossa menina!

A época começou agora. O grupo estava preparado, a mai'nova tinha começado a fazer duplo mortal e outros elementos desafiantes que, pensava ela, nunca conseguiria, mas conseguiu! Na semana passada veio o balde de água fria, mas também um crescimento enorme e um gigante orgulho na nossa menina! Uma das bases dela teve de colocar a ginástica de lado, por questões pessoais. O grupo iria desfazer-se... a postura dela, e da outra base, foi sempre de apoio incondicional à colega! Para elas o mais importante era a colega, que ela resolva tudo o que tem para resolver e que volte para o ano fina e maravilhosa!... Orgulho de sua mãezinha! Alguma coisa havemos de estar a fazer bem. 

Após a centrifugação de emoções, de reuniões com treinadores, pais, pais com treinadores, treinadores com atletas, atletas com pais... aconteceu o que todos já sabíamos ser inevitável, não há grupo! A época no início e não há grupo! Pela primeira vez, em 7 anos, a época dela fica comprometida. Daqui a 3 semanas vão todos para o MIAC, a prova mais desejada de todo o sempre, e ela não. Está que nem pode de tristeza....

Neste momento está a viver num impasse. Os treinadores prometeram arranjar-lhe uma solução até ao final deste mês. Há a hipótese de lhe arranjarem um grupo mas com bases do escalão abaixo, implica ir competir no Campeonato Base... ela não sabe se quer. Não seria ela a mudar de classe mas sim as bases a passarem para a classe dela a treinarem com o top do clube. Mesmo assim não há tempo para as treinarem para o Campeonato da Primeira Divisão. Neste momento teremos de esperar pelas soluções apresentadas... ainda não as há!, só hipóteses!, para depois tomarmos (mais ela do que nós) decisões...

Torçam por ela! Ela merece o melhor, acreditem! Não é por ser minha filha, mas também, claro!, mas a postura dela perante o dilema da colega foi de uma dignidade, solidariedade e apoio sem precedentes, jamais pensou em colocar-se em primeiro lugar, jamais pensou em abandonar a colega... é isto que a ginástica também ensina!... ela e a outra base foram muito elogiadas pelos treinadores, pela sua postura, pelo seu apoio, pela forma como lidaram com a questão. É o meu orgulho, sem qualquer dúvida!

Agora vamos todos torcer por ela, para que a solução arranjada seja boa!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.