Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

Desafio das 52 semanas: Semana 19

20817683_bPD0p.jpeg

 

As minhas séries favoritas....

Ora pois muito bem... Este é um daqueles temas sobre os quais eu não me debruço e não perco muito tempo... Quando era miúda não apreciava muito séries... Não gostava de ter de ficar uma semana à espera do próximo episódio, até porque a maior parte das vezes acabava a fazer outras coisas e pumbas, lá se ia o episódio....

Posso-vos dizer que não gostava assim de nenhuma série em especial... via uns episódios de uma ou outra, como o Homem da Atlântida, Baywatch... Ah esperem!!! Pára tudo! Havia uma série que eu adorava mesmo, mesmo muito... tcharaaaammmm Uma Casa na Pradaria. A-d-o-r-a-v-a aquilo! Perdia muitos episódios, até porque a minha vida era brincar na rua, como já vos tinha dito.

Hoje em dia, gosto muito de séries, mesmo a sério, mas ou adormeço, ou a logística do meu dia-a-dia não me permite vê-las. Ainda assim, adorei La Casa de Papel, há c'anos não via uma série que me prendesse tanto, vi de enfiada. Vantagens do mundo moderno. E ando a ver e a adorar 1986, na RTP, às terças-feiras, às 22 horas. Quem não viu, veja. Imperdível mesmo para quem não viveu a sua adolescência naquela época (as aspirantes estão a adorar saber como foi a adolescência dos pais). Não perco um episódio (exceptoquandoaporradofestivaldacanção-ócaraças-sesobrepõe), e quando perco vejo no dia seguinte, nova vantagem dos tempos modernos. 

Gostei também de Lost, chateou-me tanta sequela e desisti. Não tenho pachorra para 20 temporadas em que só estão a engonhar e a passar-nos atestados de burrice para ganharem dinheiro. Gostei de Prison Break, e foi a mesma coisa. Vejo a primeira temporada, começo a segunda e desisto... Nesta perspectiva, apesar de ter adorado muito, muito, muito La Casa de Papel, tenho receio da segunda temporada.... Claro que lhe vou dar uma oportunidade... vamos ver...

Depois vou vendo, quando calha, sem grande seguimento, até porque os episódios são independentes uns dos outros (gosto de independência e liberdade) as séries do costume: CSI, Investigação Criminal e tudo o que meta mortos e feridos e polícias geniais... E claro, the last but not the least, o melhor personagem de todo o sempre, que eu amo, de um humor inigualável, de uma mordacidade única, o meu tipo de humor, sarcástico, irónico e certeiro.... rufam os tambores...

Dr. House... Uma vénia ao Dr. House, fáxavore!!!

Acho que não me esqueci de nenhuma... 

Neste TAG participam para além de mim, a 3ª face, a Ana, a Ana Paula, a Catarina, o Carlos, a Carlota, a Charneca em Flor, a Daniela, a Desarrumada, o David, a Fátima, a Gorduchita, a Happy, a Hipster Chic, a Isabel, a Mãe A, a Mariana, a Maria Mocha, a Mimi, a Paula, o P.P, a Sweetener, a Sofia, a Tatiana, a Tita e o Triptofano

6 comentários

Comentar post