Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

Fui ao casamento real, camandro!

Já estavam com saudades minhas, vero?... vá confessem lá que todos os dias aqui vinham para ver se havia novidades... estavam todos a hiperventilar com a minha ausência, eu sei!...

Voltei!!! Fui ao casamento real, pois com certeza. Os primos casaram no sábado e lá foi a vossa Marquesa direitinha a Windsor para lhes levar um trem de cozinha e um conjunto de cristal para os licores....

É mentira! Não fui nada! Tive muito mais do que fazer do que ir à boda real, ora vejam:

Sexta-feira: Uma brutal enxaqueca que não me deixou levantar da cama todo o dia, com direito a vomitar e tudo, e tudo...

Sábado: Trabalhar logo pela fresca, que isto a malta é nobre mas dá valor ao dinheirinho e volta e meia (como dizia a outra lá da Comporta) gosta de brincar aos pobrezinhos... Confesso que eu tenho levado esta premissa demasiado a sério na minha vida. Incorporei a personagem de tal maneira que nem vos conto... Mas dizia eu, Sábado, trabalhar pela fresca e restantes horas enfiada num pavilhão municipal para o Campeonato Nacional da 'mai nova.

Domingo: Sofrer horrores pelo meu clube e acabar a noite a chorar de desgosto e encerramos por aqui este tema, bale?... Nã minervem, catano!

Como vêem não tive tempo para ir dar um beijinho aos primos!... Eles insistiram, insistiram, telefonaram, disseram que sem mim o casamento não se fazia e eu, "eh pá, primos, num bai dar... e onde é que eu deixo a minha enxaquecazita?... Eu sou boa anfitriã, se ela veio vai ser bem tratada, não lhe posso fechar a porta só porque tenho de ir ao casamento dos primos..." E eles, tristes e inconsoláveis, lá casaram. Claro que lhes enviei na mesma o trem de cozinha e os cristais, onde é que a Meghanzita iria cozinhar o estufado ao Harry?... Aposto que aqueles outros que lá foram nem uma frigideirita lhes ofereceram. Pindéricos!

Ps: E agora a colocar as Tags apercebo-me do quanto esquizofrénico pode ser um post meu... "Ele" é casamento real, "ele" é enxaqueca, "Ele" é Sporting... Tudo num só post... 

4 comentários

Comentar post