Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

A Marquesa de Marvila

Aqui não se aprende nada... Lêem-se coisas escritas por mim, parvoíces na maioria das vezes mas sempre, sempre verdades absolutas (pelo menos para mim).

Nutrição à medida do freguês...

Já que hoje estou numa de falar de alimentação, então cá vai... Pessoas, vocês preparem-se... preparem-se que eu não estou a conseguir preparar-me....

Amanhã vou à nutricionista!!!!  Que M-E-D-O!!!!!.... Mas não é uma nutricionista qualquer, nada disso! Que por aqui a malta não se contenta com o simples corte nas calorias... a vossa amiga, a vossa Marquesa preferida, eu mesma, vai a uma consulta de nutrição funcional, camandro!

Ahhhhhh!!! Boa, boa!!! Mas o que raio é isso, oh Marquesa? - perguntam vocês. (eu adoro fingir que vocês me perguntam coisas e têm interesse na minha vida!) Então, foi o dótore que mandou! Diz que é uma nutrição com base nas minhas necessidades. Que é uma nutrição que previne e ajuda a tratar/equilibrar as patologias. É uma nutrição à medida de cada caso. É uma nutrição que não conta calorias, que não prescreve uma dieta "chapa 5", igual para todos. Diz o dótore que me vai ajudar a prevenir as crises e a fazer regredir a Sjogren, que vai combater a inflamação generalizada do meu organismo. Que eu até já vou no bom caminho pois não consumo uma série de alimentos inflamatórios como carne e laticínios (ainda vou ao queijo, mas pronto!)

E eu espero mesmo que me ajude... já que as dores ainda não foram embora, o cansaço também não e já agora, queria perder estes 5 quilos ganhos nas férias (se der para perder os outros 4 ou 5 que já tinha a mais antes das férias também não era mau...).

A modos que é assim... Amanhã terei uma pequena história de terror para vos contar já que aposto, 1 rim, que ela me vai proibir gelados, chocolates e gelados de chocolate... e eu vou chorar!... se ela me proibir as castanhas, eu sou capaz de cometer um crime!... as castanhas não, senhores! As castanhas é que não, que agora vem o Outono e são a única coisa que me consola até à primavera!

15 comentários

Comentar post